"O nascimento do pensamento é igual ao nascimento de uma criança: tudo começa com um ato de amor. Uma semente há de ser depositada no ventre vazio. E a semente do pensamento é o sonho. Por isso os educadores, antes de serem especialistas em ferramentas do saber, deveriam ser especialistas em amor: intérpretes de sonhos."
( Rubem Alves )

Seguidores

segunda-feira, outubro 21, 2013


Kuuki, o Ar

10



          Céu era um azul só, e tudo brilhava dourado por causa do Sol. Lívia caminhava pelo parque da cidade, que ficava no alto de uma montanha. O cheiro de mato da cidade onde morava a sua avó era bem diferente do cheiro da cidade grande, onde a menina morava. Tudo parecia lindo. O vento como uma mão suave, acariciava o seus cabelos, e essa sensação dava a Lívia uma paz imensa. Como era bom respirar aquele ar purinho! Ela fechou seus olhos por um instante e respirou bem fundo.
          Entretanto, o som de uma tosse seca e insistente tirou a garota de seus pensamentos. Ele vinha de um banco do parque e era tão forte e repetitivo que Lívia se virou de uma só vez pra ver o que estava acontecendo. Ela viu uma cena inacreditável: um menino que parecia ser feito de fumaça estava sentado no banco e tossia muito forte. De sua boca saía fumaça escura e densa.
          _ Quem é você? Ou melhor o que é você? _ perguntou Lívia muito curiosa.
          _ Meu nome é Kuuki, que significa “AR” no idioma japonês. Sou o ar da Terra, o vento que acariciou seus cabelos há pouco.
          _ Então, você não é uma pessoa? É assim como um fantasma?
          _ Mais ou menos. Cof, cof, cof! _ Ai! Eu não aguento mais essa tosse!
          _ Você está doente? Por que você tosse tanto? _ Interrogou a garota.
          _ Lívia, parei aqui para descansar, nem consigo mais respirar direito. _ respondeu Kuuki.
          _ Que estranho! Você sabe meu nome? Como pode isso?
          _ Como pode então uma menina falar com o ar? _ Kuuki lhe respondeu.
          Logo começou a rir, mas foi interrompido pela tosse outra vez.
          _ Sei de muitas coisas, pois como sou o ar, posso estar em vários lugares do planeta, estou doente, Lívia. Passei hoje pelas grandes cidades e fui absorvendo toda essa fumaça. _ Explicava Kuuki, ainda se sentindo muito mal.
          _ Mas por que você fez isso? Por que você carrega toda essa fumaça toda?
          _ Meu jeito de ser, Lívia. Estou doente para que vocês, os humanos, não fiquem ainda mais doentes. Toda esta fumaça escura e fedida que sai de mim iria para os pulmões das pessoas. É tanta sujeira no ar que você pode até me ver. Por isso, minha tosse está assim, meio acinzentada.
          _ Que horror! Então você está precisando de um médico. _ disse a garotinha, muito preocupada.
          Kuuki tentou rir de novo, mas a tosse mal o deixava falar.
          _ Na verdade, preciso é da ajuda e da consciência das pessoas. Médico nenhum poderá resolver meu problema.
Sabe, Lívia, é tanta fábrica, tanta chaminé, tanto escapamento de carro, tanta poeira que todos estão ficando muito doentes. E o pior é que tudo isso está matando as florestas do9 mundo! As árvores me ajudam a acabar com a sujeira, mas sem elas está ficando cada vez mais difícil... Já reparou que o céu de sua cidade não consegue ser tão azul?
          _ Ah! Por isso você está aqui! Minha avó sempre dizia que o ar que respiramos nas cidades do interior costuma ser muito bom para a saúde das pessoas...
          _ É! Mas nem mesmo aqui as coisas estão tão fáceis! Olhe lá para aquele vale. Consegue ver toda aquela fumaça?
          _ Consigo! O que é aquilo? Uma fábrica? Aqui?
          _ Não. Cof, cof, cof! Aquilo é fumaça de queimada. E isso é crime! Mas, mesmo assim, as pessoas insistem em queimar as plantações para facilitar a colheita. O pior é que nem sabem que isso está matando os animais, a própria Terra e produzindo mais e mais fumaça... Cof, cof, cof! É muito triste.
          _ Com tudo isso , o que podemos fazer? Como posso ajudá-lo a se sentir melhor?
          ........
          _ Lembre-se Lívia o Ar não pode ser visto, mas é uma das coisas que permite a vida! Se continuar sujo, todos serão prejudicados!      
          Ao dizer isso, Kuuki novamente balançou os cabelos de Lívia, que agora entendia a importância de cada um de nós fazer algo, ainda que seja uma atitude simples, mas importante para mudar o rumo das coisas.
Fabio Gonçalves Ferreira

10 comentários:

✿ chica disse...

Maravilhoso conto e com uma bela mensagem! Gostei muito!beijos,chica

tatiane zortea disse...

Olá venho da Agenda dos Blogs te fazer uma visitinha amei seu blog, e ja estou te seguindo, venha me visitar e me seguir ficarei muito feliz bjs... http://pointdoeva.blogspot.com.br/

keithy teles disse...

Sou agenda e já estou te seguindo.Venha vc tbm.http://ateliekeithyteles.blogspot.com.br/

tatiane zortea disse...

Agradeço muito e fico muito feliz com sua visita, mas não consegui visualizar vc me seguindo, não apareceu nada pra mim, se puder tentar de novo agradeço... bjs
http://pointdoeva.blogspot.com.br/

Vanessa Monique disse...

Obrigada pela sua visita ao meu blog.
Conheça a fan page também:
http://facebook.com/SuperVeggs
Já estou te seguindo aqui.

:*

Carolina Gouvêa disse...

Oi linda,

Amei seu cantinho. Vim da agenda dos blogs e já estou seguindo!

Tem sorteio lá no meu blog, passa lá e se inscreva!

Bjinho
Carol

http://falandotudoeumpoucomais.blogspot.com.br/

★MaRiBeL★ disse...

__________(█)
_______██████
_____ ████████
___███████████
___ (░░░░░░░)░░░)
___(░(░█░░█░)░░░)
__ (░░(░░●░░░)░░░)
__ (░░░░◡░░)░░░░)
_██(░░░░░░░░░░)██
_███(░░░░░░░░░)███
████ ██(░░░)██ ████
████ █████████ ███
████ ████░████ ███
(░░)_ ▓▓▓▓▌▓▐▓▓▓_(░░)
(██) ███████████ (██)
_____█████░█████_▓▓▓\
_____█████-,█████▓▓▓▓▓)
_____█████-,█████▓▓▓▓▓)
___(░░░░░░)(░░░░░) ▓▓▓▓)
______(███)_(███)▓▓▓▓▓▓)
____ (████)_(████)▓▓▓▓▓)-----Felices Fiestas---- ★MaRiBeL★

iza artes e criações disse...

"Oi , vi seu blog na lista do blog "Agenda dos blogs" vim conhecer e já estou te seguindo , vem seguir o meu também"
http://izaartesecriacoes.blogspot.com.br/

Augusto Sperchi disse...

Oi Elisete! Como está?
Li e gostei do texto/conto do Fábio, que vc fez a gentileza de publicar. Ele pode ser usado, com a licença do autor, nas escolas do Ensino Fundamental, pois serviria para conscientizar as crianças sobre ecologia.
Um abraço e tenha bons dias!

Rérida Maria disse...

Olá!
Vim comunicar que o meu blog foi hackeado, tive que excluí-lo, aqui está o end. do novo blog: reridamaria2.blogspot.com
te espero lá!

Postar um comentário

"SEM A CURIOSIDADE QUE ME MOVE, QUE ME INQUIETA, QUE ME INSERE NA BUSCA, NÃO APRENDO NEM ENSINO." Paulo Freire"
Adoro receber visitas e comentários. Obrigada pelo carinho.